Prem Ramani

Um pouco sobre mim

Comecei estudar astrologia aos 11 anos e continuo me aprofundando  nos conhecimentos de diversas linhas do Ocidente e Oriente.

No início da adolescência fui introduzida a conceitos filosóficos e à busca pela transcendência pelos meus pais e durante toda minha vida estive em contato com linhas filosóficas e tradições espirituais ocidentais e orientais por meio de ensinamentos e práticas que vivenciei na prática.

Na primeira viagem para a Índia em 2005, senti uma profunda conexão com as escrituras, mantras, cerimônias vêdicas e desde então venho me aprofundando nesses estudos e na Astrologia Vêdica com professores na Índia, no Brasil e nos EUA.

 

Após imersões anuais de 3 meses em Rishikesh/Varanasi e peregrinações periódicas por toda a Índia, vivi tres anos e meio nesse país estudando num sistema intensivo (Gurukula) durante o qual recebi a indicação de dedicar minha vida a servir através dos conhecimentos recebidos.


Desde então deixei de me dividir entre uma carreira de 20 anos trabalhando paralelamente como professora de executivos, tradutora, empresária e consultora de idiomas e sustentabilidade para me dedicar exclusivamente ao trabalho com a Astrologia Vêdica.

Quando decidi me mudar para Varanasi, onde ainda tenho uma base, passei um período maior estudando na BHU - Benares Hindu University, como afiliada da Abhinavagupta Library e em grupos de estudos diversos. Estudei Sânscrito, Filosofia e Astrologia nessa cidade mística e sagrada de Shiva, às margens da Ganga e abençoada por Kali. Lá tenho a oportunidade de estar imersa no mistério profundo que é o colo sagrado de Deus na forma de uma cidade.

 

Em Varanasi, entre o interno e o externo, a erudição e do processo de desnudar do coração, só sobram as cinzas que escancaram o pacífico e silencioso vazio de onde tudo nasce e morre. Simplesmente não é possível viver nessa cidade-templo sem nascer e morrer a cada dia. 

Reverencio aos antigos sábios Rishis e Yogis que nos permitiram ter acesso a essa infinita sabedoria. Eterna gratidão estendo aos meus professores e Mestres, pela ajuda amorosa e paciente no decifrar contínuo da linguagem da vida, das estrelas e do caminho da realização em Deus. 

Om Namo Bhagavate Vasudevaya!

Om Namah Shivaya!